Best Albuns of 2008

RSS
Partager

3 déc. 2008, 16h30m

Estes são os melhores álbuns na minha humilde opinião.
Vários são estréias das bandas, percebendo-se assim que este foi um ano de grandes inovações;
Bem, aí vai a lista:


10 - Marcelo Camelo - Sou

Um albúm, digamos diferente; ninguém esperava que o mesmo Camelo que escreveu músicas como Tenha Dó, do premiére do Los Hermanos, escreveria músicas com uma dinâmica totalmente diferente, como Liberdade e Téo e a Gaivota, tendo influências da bossa nova e da MPB; outra surpresa foi o namoro com Mallu Magalhães :O



9 - Get Cape. Wear Cape. Fly - Searching for Hows and Whys

Para quem gosta de música acústica, com uma pitadinha de eletrônica. Este é o segundo albúm desse projeto do inglês Sam Duckworth. É um ótimo álbum, com destaque para Postcards Of Catalunya, Moving Forward e Better Things, que tem participação de Kate Nash.



8 - Coldplay - Viva la Vida

Bem, só por ser um disco do Coldplay, muita coisa pode deixar de ser dita. É um album que foi, provavelmente, o mais 'badalado' do ano, com muito destaque em toda a mídia. Destaque para os hits Viva la Vida e Violet Hill.



7 - Moptop - Como Se Comportar

O segundo álbum da banda carioca pseudo-cover-do-strokes é legítimo. Com doses do mesmo Indie Rock que já apresentava no primeiro, ficou simplesmente excelente. Guitarras entrelinhadas, bem harmonizadas. Em Contramão, Beijo De Filme e Como Se Comportar, isto é evidente. É evidente também a influência do Kings of Leon na faixa História Pra Contar Enfim, talvez o melhor álbum brasileiro dos últimos anos.



6 - MGMT - Oracular Spectacular

Ouvir Oracular Spectacular é como voltar aos velhos anos 70, com muita psicodelia e LSD. É simplesmente como sentir que você está lá, num show onde luzes e mais luzes piscam. É uma nova concepção da música, mas ao mesmo tempo conservadora por obter elementos antigos. Seu show no Brasil, muito aguardado por muitos, mostrou o quando os caras são terrivelmente excêntricos. Músicas como Kids e a 'superpops' Time to Pretend conseguem resumir o disco.



5 - Little Joy - Little Joy

Um disco que transmite muita alegria. Amarante e Moretti ficam entre as melhores duplas formadas esse ano. É um disco que simplesmente fala por si só. Vários instrumentos, difícies de indentificar, que juntos formam um som único, inigualável. Algumas músicas tem maior destaque, como a alegre No One's Better Sake e Keep Me In Mind.



4 - The Kooks - Konk

"Com esse disco The Kooks alcançou a fama", alguns podem pensar. Mas esse disco indica muito mais que somente clipes passando na MTV e downloads e mais downloads na rede. Com um disco desse, muitas bandas ficariam num patamar mais alto, e isso não foi diferente com o The Kooks. O som continuou o mesmo do primeiro disco, com o mesmo mix de rock de garagem com um pequeno mix de reagge, exceto por algumas guitarras mais complexas. Destaque para See the Sun, com uma guitarra incrível, o hit Always Where I Need to Be e a balada romantica One Last Time.



3 - Kings of Leon - Only by the Night

Provavelmente esse foi o disco que eu mais esperei no ano. E, venhamos e convenhamos, o mais bem preparado por uma banda. O caso dos 23 vídeos caseiros foi ótimo para o marketing desse excelente disco, que levou-os ao topo das paradas inglesas. Mas todo este sucesso não foi em vão. Only by the Night supera totalmente o terceiro disco da banda, Because of the Times. Músicas como Closer e Notion, mostram a nova dinâmica da banda, enquanto outras mostram características mais antigas, como o rock n' roll de Sex on Fire, os agudos vocais de Use Somebody e o resto do seu southern rock em Cold Desert. Simplesmente sensacional.



2 - The Last Shadow Puppets - The Age of the Understatement

Neste disco, Alex Turner mostrou o gênio que é. Após criar canções magníficas no Arctic Monkeys, consegue montar um álbum impecável como este. Miles Kane também não fica atrás, mostra que é ótimo músico em música como I Don't Like You Anymore. Soa como rock, soa como música clássica, e tem toda a postura de anos 60. Com violinos, violoncelos e etc. isto pode ser percebido. Músicas geniais, como Black Plant e a balada Meeting Place, faz como se vivéssemos na época em que para namorar basta dar a mão. Nostálgico.



1 - Vampire Weekend - Vampire Weekend

Se pudesse representar esse disco com uma palavra seria: genial. Os novaiorquinos do Vampire Weekend montaram um álbum que parece que vc está brincando na sua infância, com aqueles chocalhos, xilofones, e batendo no sofá achando que é tambor. Mas, além disso tudo, ainda tem a mistura de punk rock, com as guitarras, principalmente em Boston, além de letras inteligentes. Bem aceito pela crítica, conquistou o sucesso facilmente com um disco de estréia. E eles realmente merecem isso. E muito mais.

Depois que eu fiz a lista me lembrei que não coloquei Dig Out Your Soul, perdões;

Commentaires

  • Music_Hero

    O.o no disco que eu baixei boston estava :O

    3 déc. 2008, 17h23m
  • Music_Hero

    ah, ouve depois mais um pouco que vc vai saber porque :D

    3 déc. 2008, 19h25m
  • airfigaro

    I linked to my journal here. Hope you don't mind. Nice List!

    5 déc. 2008, 18h42m
  • horror_show

    genial. VW é genial demais

    9 déc. 2008, 2h13m
  • Braulin

    Lista digna de Chagas msm... c eh meio suspeito p falar dessas bandas, afinal são umas das suas favoritas, mas eu concordo, pelo menos c os q eu conheço!

    15 déc. 2008, 21h41m
  • Derekshepark

    chidoooooooooooooo

    6 fév. 2009, 22h50m
  • awayfarer

    VW > MGMT > TLSP > Little Joy > The Virgins. o verdadeiro top5 :p

    5 jui. 2009, 19h40m
  • AnaBeatrizxD

    gostei da lista.

    11 oct. 2009, 4h23m
Voir les 12 commentaires
Ajouter un commentaire. Connectez-vous à Last.fm ou inscrivez-vous (c'est gratuit).